skip to Main Content
Melhores Quadrinhos Da Marvel

[LISTA] Melhores quadrinhos da Marvel para ler em 2021

Fundada em 1939 ainda com o nome de Timely Comics, a Marvel Comics passou por uma montanha-russa de altos e baixos no decorrer de sua história até chegar à sua fase atual, se tornando um sucesso estrondoso nos cinemas e sempre apresentando inovações em suas histórias em quadrinhos.

A bibliografia da Casa de Ideias (como é chamada pelos fãs) é muito extensa, com histórias para todos os gostos. Justamente por isso, muitos leitores ficam confusos na hora de escolher os melhores quadrinhos da Marvel, sejam eles números clássicos ou lançamentos de sucesso.

Se você é um desses, acompanhe nosso post até o fim e descubra doze histórias publicadas pela casa e que devem estar na sua coleção durante o ano de 2021!

1. O Espetacular Homem-aranha: Aranhaverso

Uma das melhores recomendações para os fãs do amigo da vizinhança é O Espetacular Homem-aranha: Aranhaverso, escrita por Dan Slott e desenhada por Olivier Coipel e Giuseppe Camuncoli entre 2014 e 2015.

Nesta história, o vilão Morlun e sua família, os Herdeiros, estão destinados a eliminar todas as versões de Homem-Aranha existentes nos diferentes multiversos para conquistar sua vida eterna. 

Sob essa ameaça, Peter Parker e seus equivalentes como Miles Morales, Spider-Gwen, Aranha-Punk e Homem-Aranha Superior precisam reunir-se para evitar sua extinção e combater os Herdeiros.

Trata-se de uma narrativa complexa, bem amarrada e cheia de detalhes, que se passa em diferentes Terras do Universo Marvel. É indicada para leitores que procuram uma história com densidade dramática e personagens fortes.

Título: O Espetacular Homem-aranha: Aranhaverso
Autor: Dan Slott e Olivier Coipel
Editora: Panini
Páginas: 440

Imagem: reprodução/Amazon

2. Quem é o Pantera Negra?

O Pantera Negra ganhou um grande reconhecimento durante os últimos anos após ser vivido pelo ator Chadwick Boseman nos filmes da Marvel Cinematic Universe. Entretanto, o personagem foi criado em 1966 e, desde então, está entre os preferidos de muitos leitores.

Este número reúne as edições de 1 a 6 de Pantera Negra, Vol. 4, publicados entre 2005 e 2008, e narra o momento em que Wakanda, a nação escondida mais tecnológica do mundo, é descoberta por ladrões e saqueadores.

T’Challa, o homem por trás do manto de Pantera Negra e príncipe de Wakanda, precisa defender suas terras desse ataque liderado por seu nêmesis Garra Sônica, físico que quer utilizar a tecnologia do país para a criação de armas.

Se você gosta do personagem, mas ainda não conhece muito de sua história, vale a pena conferir esse volume!

Título: Quem é o Pantera Negra?
Autor: Reginald Hudlin e John Romita Jr.
Editora: Panini
Páginas: 160

Imagem: reprodução/Amazon

3. Miss Marvel Questões Mil

Outra personagem poderosa e carismática da Marvel que vem cativando cada vez mais os leitores é a Miss Marvel, alter-ego da adolescente americana descendente de paquistaneses Kamala Khan.

No arco Questões Mil, escrito pela brilhante G. Willow Wilson, a heroína tem que proteger sua cidade natal, Nova Jérsei, do Inventor, um inimigo já estabelecido em suas primeiras histórias. 

Para os fãs de quadrinhos, é um prato cheio. Além de ilustrações e roteiro impecáveis, a narrativa é recheada de ação e também registra o encontro entre Kamala e o Wolverine, personagem icônico da Marvel.

A obra também tornou-se um marco para a diversidade nas HQs, por retratar como protagonista uma mulher muçulmana pela primeira vez na Marvel.

Título: Miss Marvel - Questões Mil
Autora: G. Willow Wilson
Editora: Panini
Páginas: 140

Imagem: reprodução/Amazon

4. Desafio Infinito 

Em 2018, o filme Vingadores: Guerra Infinita trouxe Thanos para o imaginário popular, consagrando-o como um dos maiores vilões do cinema de todos os tempos. 

A principal inspiração para essa saga nos cinemas foi Desafio Infinito, quadrinho lançado originalmente em 1991, com argumento de Jim Starlin e ilustrações de George Pérez.

Leia também: 12 itens de decoração geek para quarto que você vai amar!

Com a posse de todas as joias do infinito, o titã resolve exterminar metade de todos os seres do Universo. O objetivo era cortejar a Senhora Morte, que acreditava que já havia mais pessoas vivas que mortas, provocando um desbalanço no cosmo.

Após Thanos cumprir seu plano com um simples estalar de dedos, os Vingadores se juntam a Adam Warlock, um ser galáctico que detém conhecimento profundo a respeito das joias para combater o vilão e devolver o equilíbrio a todos os povos. 

As batalhas travadas são um show à parte tanto de ação quanto de ilustração, narrando a cooperação entre os heróis e outros seres cósmicos em traços bastante coloridos e psicodélicos. Além disso, trata-se da história definitiva de Thanos, sendo o primeiro quadrinho a mostrar mais a fundo seus pensamentos e intenções. 

Título: Desafio Infinito
Autor: Jim Starlin e George Pérez
Editora: Panini
Páginas: 372

Imagem: reprodução/Amazon

5. Guerra Civil

Por falar em cinema, outro dos melhores quadrinhos da Marvel a ser adaptado para o cinema foi Guerra Civil, uma obra de Stuart Moore e Will Conrad lançada originalmente em 2014.

Após um incidente recente envolvendo a morte de jovens fantasiados e civis inocentes, o Governo dos Estados Unidos passa a considerar a existência e a liberdade dos heróis uma ameaça. É criada então uma lei obrigando a todos que tenham um registro legal para lutar contra o crime, e aqueles que se recusassem a segui-la, estariam agindo na clandestinidade.

O Capitão América torna-se a principal voz contra essa nova lei, alegando que os heróis devem ter sua identidade protegida, e passa a reunir um grupo de desertores que concordem com sua opinião.

O nome “guerra civil” vem justamente dos conflitos travados entre heróis, sejam eles a favor ou contra a lei, e a sociedade, que vive em estado de alarde em decorrência dos acontecimentos recentes. A narrativa promove debates importantes e atuais a respeito de geopolítica e vigilância.

Título: Guerra Civil
Autor: Stuart Moore e Will Conrad
Editora: Novo Século
Páginas: 398

Imagem: reprodução/Amazon

6. Marvel Teens: Miles Morales 

Em 2011, a Marvel Comics apresentou uma nova versão do Homem-Aranha, um garoto do Queens chamado Miles Morales. Filho de uma enfermeira mexicana e um policial negro, ele atualiza a história clássica do herói, porém com características e personalidade bastante diferentes. 

Marvel Teens: Miles Morales reúne os números 1 a 10 de Ultimate Comics: Spider-Man (2011), arco escrito por Brian Michael-Bendis e ilustrado por Sara Pichelli que apresentou o novo cabeça de teia ao público.

Miles é picado por uma aranha radioativa e descobre que adquiriu poderes como a capacidade de escalar paredes e de ficar invisível. O garoto se vê tendo que aprender a controlar suas novas habilidades, enquanto lida com a mudança recente de colégio. 

Enquanto isso, o Homem-Aranha original, Peter Parker, é assassinado pelo Duende Verde, tornando Miles seu sucessor imediato. Porém, o garoto ainda é inexperiente e inseguro, colocando a si mesmo em dúvida durante toda a história.

É um quadrinho que explora muito as relações humanas, especialmente de Miles com seu tio Aaron, e com seu melhor amigo e confidente, Ganke Lee, além de reinterpretar a mensagem original de “grandes poderes, grandes responsabilidades”, que acompanha o Aranha desde a sua gênese.

Título: Marvel Teens: Miles Morales
Autor: Brian Michael Bendis e Sara Pichelli
Editora: Panini
Páginas: 232

Imagem: reprodução/Amazon

7. Demolidor, Volume 1

Alter-ego de Matt Murdock, o Demolidor é um herói da Marvel conhecido por suas aventuras urbanas. Esse encadernado reúne uma de suas fases mais clássicas, quando era roteirizado e ilustrado pela dupla Frank Miller e Klaus Janson.

Segundo rumores, até 1979, antes que Miller fosse contratado para escrever as histórias do Homem sem Medo, o personagem corria risco de ter seu número cancelado, justamente pela baixa adesão do público.

O autor soube trazer para o Demolidor um caráter mais detetivesco, com narrativas mais sombrias. Se antes o herói lutava contra o vilão da semana, a partir de agora, seu inimigo era o lado sujo da cidade, representado especialmente pela figura do Rei do Crime.

Nesse primeiro volume, você encontrará muita ação, com violência explícita e uma forte carga realista. Todo bom fã de quadrinhos e histórias policiais deve tê-lo em sua coleção para apreciar com calma!

Título: Demolidor, Volume 1
Autor: Frank Miller
Editora: Panini
Páginas: 336

Imagem: reprodução/Amazon

8. Homem de Ferro: Stark – a Queda

Pouco após a Guerra Civil (que já comentamos nessa lista) e observando que os vilões poderiam utilizar seu vasto conhecimento como arma para fazer mal a inocentes, Tony Stark resolve apagar suas próprias memórias, e isso o deixa muito perto da morte.

O Doutor Estranho consegue reanimá-lo, entretanto, Tony ainda não retomou sua mente e não pode voltar a assumir sua armadura. Enquanto isso, as Indústrias Hammer montam um esquema de crimes com informações privilegiadas obtidas do governo americano.

Stark precisará de determinação e de seus amigos para retomar a consciência e voltar a ser o Homem de Ferro e impedir as Indústrias Hammer de causar mal a civis inocentes.

Escrita por Matt Fraction e desenhada por Salvador Larroca, é uma edição muito atual, que aborda assuntos a respeito de tecnologia da informação, aplicativos de celular e vigilância, sem deixar de lado a ação usual do Homem de Ferro. Muito recomendada para quem gostou de Guerra Civil.

Título: Homem de Ferro: Stark – a Queda
Autor: Matt Fraction e Salvador Larroca
Editora: Panini
Páginas: 360

Imagem: reprodução/Amazon

9. Wolverine, o Velho Logan

Anos após o triunfo dos vilões e a queda dos heróis, ninguém sabe o que aconteceu com o Wolverine. Seu alter-ego, Logan, agora é um velho fazendeiro que tenta viver uma vida pacata ao lado de sua família, sem mais utilizar seus poderes.

Eis que, certa noite, seu antigo amigo Gavião Arqueiro aparece e faz uma proposta irrecusável: atravessar o país para entregar um pacote em Nova Babilônia, o que lhe renderia 5 mil dólares.

Juntos, eles percorrerão uma longa jornada, evocando fantasmas do passado e observando tudo o que mudou desde que os super-heróis foram derrotados. Em meio a tanta injustiça, será que o velho Logan conseguirá manter-se um pacifista?

Mark Millar é o roteirista da história, enquanto Steve McNiven foi o encarregado de dar vida e cor ao universo pós-apocalíptico. 

Título: Wolverine, o Velho Logan
Autor: Mark Millar e Steve McNiven
Editora: Panini
Páginas: 224

Imagem: reprodução/Amazon

10. Deadpool – Meus Queridos Presidentes

Para quem gosta de um humor mais satírico e trágico em histórias em quadrinhos, Deadpool é certamente a escolha perfeita. O mercenário tagarela (como é chamado pelos fãs) é um verdadeiro iconoclasta, e está pronto para tirar sarro de tudo, desde instituições sociais aos próprios personagens da Marvel.

Uma prova disso é Meus Queridos Presidentes. Nesse encadernado, alguns dos mais famosos líderes americanos (como George Washington e Abraham Lincoln) ressuscitam como zumbis, e, sem heróis para salvar o mundo, o Deadpool é contratado pela SHIELD para combater essa ameaça.

Você vai se divertir com os monólogos elucidativos do personagem, escritos por Gerry Duggan e Brian Posehn, e com as lutas altamente violentas, ilustradas por Tony Moore (ilustrador original de The Walking Dead).

Título: Deadpool - Meus Queridos Presidentes
Autor: Gerry Duggan, Brian Posehn e Tony Moore
Editora: Panini
Páginas: 140

Imagem: reprodução/Amazon

11. A Teia da Viúva Negra

Treinada desde pequena para ser uma assassina, Natasha Romanoff (agora sob o nome de Viúva Negra) acabou mudando o curso de seu destino e destinando suas habilidades para o bem. Nesta história, entretanto, ela tem que revisitar seu passado.

Isso porque a heroína foi morta em seu corpo e teve suas memórias implantadas em um clone perfeito, com características e personalidade idênticas. Insatisfeita com essa situação, o novo corpo de Natasha busca vingança.

A Teia da Viúva Negra é um thriller sobre espionagem que explora a inteligência e a sagacidade da personagem, além de contar com aparições de nomes conhecidos e consagrados, como Homem de Ferro/Tony Stark e Soldado Invernal/Bucky Barnes. 

A narrativa, construída por Jody Houser juntamente com o ilustrador Stephen Mooney, faz uso de saltos temporais e se utiliza de diferentes elementos visuais para dar dicas ao leitor. Lançado em outubro de 2020, é certamente um dos melhores quadrinhos da Marvel para ler em 2021, ano em que a Viúva ganhará seu próprio filme nos cinemas.

Título: A Teia da Viúva Negra
Autor: Jody Houser e Stephen Mooney
Editora: Panini
Páginas: 120

Imagem: reprodução/Amazon

12. X-Men: A Segunda Gênese

Para finalizar a nossa lista, escolhemos um verdadeiro clássico, escrito por Chris Claremont, o maior responsável por transformar os X-Men em uma das principais equipes de heróis dos quadrinhos.

Lançado originalmente em 1975, mas relançado em 2019 pela Panini, este encadernado reúne os principais números de Giant-Size X-Men, revista que ficou conhecida por estabelecer a versão definitiva do grupo de mutantes. 

Ocorre que a equipe original dos X-Men desaparece, sem deixar pistas a respeito do que teria acontecido. Preocupado, o Professor Xavier reúne um novo grupo para investigar o caso, que inclui Banshee, Noturno, Tempestade e Colossus, entre outros. 

Além de ter que resgatar seus antigos companheiros, os mutantes ainda terão que lutar com as brigas de ego e personalidade, especialmente entre Wolverine e Ciclope, que não conseguem se entender. 

Uma leitura deliciosa e que deve entrar para os seus quadrinhos favoritos!

Título: X-Men: A Segunda Gênese
Autor: Chris Claremont
Editora: Panini
Páginas: 336

Imagem: reprodução/Amazon

Como já falamos, a Casa de Ideias existe há quase um século, e é muito difícil escolher entre tantas histórias incríveis. Porém, muitos desses números que citamos certamente estão entre os melhores quadrinhos da Marvel para você ler em 2021.

Se você gostou dessa lista, deixe seu comentário! Assim, podemos fazer uma segunda parte, ou até posts falando sobre a DC Comics, a Dark Horse ou a Image Comics. Até a próxima!

Presentes para nerds: confira 7 opções criativas 🖖

Bernardo Gasino

Graduado em Comunicação e Multimeios, consome e estuda música desde pequenininho. É um grande apreciador de filmes coming-of-age e de aventuras culinárias.

Este artigo tem 6 comentários

  1. É uma pena que a nova juventude não conheça bons
    desenhos do passado, mas como se diz tudo evolui. Super
    obrigado pelo artigo e compartilhe no meu twitter.

    1. Muito obrigado pelo comentário e por compartilhar nosso artigo!
      Realmente, acho que tudo evolui, mas sempre é tempo de conhecer novas histórias.
      Forte abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top